1 Faça sua plástica sair do papel já!


Conheça consórcios que permitem fazer a plástica a partir de R$ 53,18 por mês! E mais: o Dr. Hollywood esclarece as principais dúvidas sobre as cirurgias

Sabe aquele pneuzinho ou o nariz avantajado que tanto a incomoda? Está com os dias contados! Agora, é possível fazer consórcio para pagar serviços estéticos, como a cirurgia plástica. Funciona exatamente como os mais tradicionais (de casa ou automóveis). Você paga os boletos mensalmente no banco e, ao ser sorteada, recebe uma carta de crédito para usá-la como quiser: fazer uma lipo ou colocar o silicone dos seus sonhos. Se o consórcio pode ser mais vantajoso do que o financimento? Claro, pois não sofre incidência de juros. Mas atenção: as administradoras só se encarregam da parte financeira. Encontrar um bom cirurgião é tarefa sua!

Quanto custa?

· Lipoaspiração: a partir de R$ 6 mil

· Aumento das mamas: a partir de R$ 7 mil

· Diminuição das mamas: a partir de R$ 5 mil

· Prótese de bumbum: a partir de R$ 5 mil

· Rinoplastia: a partir de R$ 4 mil

Consórcios para cirúrgia plástica

Importante! Para não cair numa cilada e ser passada para trás, leia bem o contrato antes de assiná-lo! E consulte o médico para saber se o valor do consórcio é suficiente para cobrir a cirurgia que deseja


Embracon Consórcio Nacional
Forma de pagamento:
de 12 x a 36 x, com parcelas a partir de R$ 183,71.
Valor consorciado: de R$ 5 mil a 20 mil.
Atende: Brasil
Contatos: 0800-8884040 e www.embracon.com.br


Multimarcas Consórcios
Forma de pagamento:
até 30 x (consórcio até R$ 10 mil) e 40 x (consórcio até R$ 20
mil), com parcelas a partir de R$ 53,18.
Valor consorciado: de R$ 5 mil a R$ 20 mil.
Atende: MG, MA, DF, TO, GO e PA.
Contato: Tel.: (31) 3036-1666 ou www.multimarcasconsorcios.com.br


Unilance
Forma de pagamento: de 12 x a 48 x, com parcelas a partir de R$ 127.
Valor consorciado: não há limite.
Atende: SP, RJ, MG, RS, PR, DF e PE.
Contatos: Tel.: (11) 3459-1732


Rodobens
Forma de pagamento:
de 12 x a 36 x, com parcelas a partir de R$ 127.
Valor consorciado: não há limite.
Atende: SP, RJ, MG, RS, PR, DF e PE.
Contatos: Tel.: (11) 3459-1732 ou www.rodobens.com.br, www.lifeconsorcio.com.br.


União Catarinense
Forma de pagamento: de 24 x a 36 x (parcela mínima varia de acordo com o crédito
a ser concedido).
Valor consorciado: de R$ 4 mil a R$ 8 mil.
Atende: SC, PR e RJ.
Contatos: Tel.: (47) 3531-8200, 0800-7278800 e www.uniaocat.com.br.


Consórcio Luiza
Forma de pagamento: até 36 x, com parcelas a partir de R$ 69.
Valor: consorciado: até R$ 10 mil.
Atende: todo o Brasil.
Contatos: Tel.: (16) 3711-1122 ou www.consorcioluiza.com.br .


Finama Administradora de Consórcio
Forma de pagamento: até 36 x, com parcelas a partir de R$ 172,99.
Valor consorciado: de R$ 5 mil a R$ 10 mil.
Atende: SP e MG.
Contatos: (Tel.: 17) 2136-4000 ou www.consorciofinama.com.br.


Suas dúvidas sobre plástica respondidas pelo Dr. Hollywood

O famoso cirurgião Robert Rey, do reality show Dr. Hollywood, da RedeTV!, responde às dúvidas mais comuns sobre plástica

1. Minha barriga ficou flácida após a gravidez. Qual a cirurgia mais indicada para resolver o problema?

Em algumas mulheres, o útero aumenta tanto no final da gravidez que os músculos da barriga se separam e todo o peso fica sob a pele. O resultado: flacidez e estrias. Nesse caso, a abdominoplastia é ideal, pois corrige a separação dos músculos e remove o excesso de pele.


2. A lipoaspiração é recomendada para mulheres que ainda pretendem ter outro filho?

Sim. A lipo só não pode ser feita durante a gestação ou logo após o nascimento do bebê. E, claro, se você planeja engravidar em pouco tempo, é melhor deixar a cirurgia para depois!

3. Como é a cirurgia de redução de seios? Por quanto tempo não se pode fazer sexo? É possível perder a sensibilidade nos mamilos?

Existem várias técnicas - e o cirurgião é quem deve escolher qual a melhor para o seu caso. A mais recente é o levantamento vertical, sem a necessidade do corte horizontal, que frequentemente forma quelóide (uma cicatriz grossa e escura). A dor após a cirurgia é suportável, desde que a paciente siga à risca o pós-operatório recomendado pelo médico. A possibilidade de perder a sensibilidade dos mamilos existe, apesar de ser mínima. E quanto ao tempo sem atividade sexual, duas semanas são necessárias para evitar infecções.

4. Diabéticos podem fazer plástica? Quais os riscos? A cicatrização é mais lenta?

A cicatrização do diabético é mais lenta, mas ele pode, sim, se submeter à plástica - desde que a doença esteja sob controle. Caso contrário, o risco de infecção é grande!

5. Quem está acima do peso pode fazer lipoaspiração ou é melhor emagrecer primeiro?

O máximo que se pode aspirar durante uma lipo é 5 litros de gordura, o que equivale a 4 kg ou 5 kg. Numa pessoa que precisa emagrecer mais do que isso, a cirurgia não vai fazer muita diferença! Então, é melhor caprichar numa dieta antes.

6. Perdi mais de 40 kg após uma gastroplastia (diminuição do estômago). Agora, quero fazer uma plástica no abdome para eliminar a flacidez. Vou emagrecer mais após a cirurgia?

Na abdominoplastia, o excesso de pele e de gordura é removido através de um corte que acompanha a marca do biquíni. Os músculos também podem ser reaproximados e presos como um corpete. Como a gordura e a pele são retiradas, alguns pacientes emagrecem ainda mais após o procedimento.

7. Vi, no programa, você pôr a prótese mamária pelo umbigo. Por quê? Esse método é feito no Brasil?

Essa técnica leva cerca de 25 minutos, proporciona recuperação mais rápida e não deixa nenhuma cicatriz visível. É muito realizada aqui em Hollywood, pois as celebridades não querem cicatriz de jeito nenhum. Mas ela só é possível com implantes salinos - o que a torna rara no Brasil, onde se usa a prótese de silicone.

8. Como escolher um bom cirurgião?

O Brasil tem os melhores cirurgiões plásticos. Mas charlatões também existem... Então, confira se ele: 1 - É realmente cirurgião plástico; 2 - É membro da Sociedade Brasileira de Cirúrgia Plástica; 3 - Tem boa reputação; 4 - É simpático e está disposto a esclarecer as suas dúvidas; 5 - Tem fotos de "antes" e "depois" dos trabalhos compatíveis com o resultado que você almeja.

9. Queria fazer uma rinoplastia para diminuir e afinar o nariz. É necessário quebrar o osso?

Se o nariz é largo, é necessário quebrar os ossos para afiná-lo. Mas isso não é problema! Os ossos do nariz saram muito mais rápido que os do resto do corpo. Depois de sete dias com o gesso, já está inteiro de novo!

10. Como é colocado o implante no bumbum?

Há três anos, a prótese era colocada entre as nádegas por um corte de pelo menos 7 cm. Hoje, não uso mais prótese: retiro gordura da barriga, do culote ou das coxas da própria paciente e reinjeto direto no bumbum, moldando-o para deixá-lo empinado e redondo. É muito mais rápido, não deixa cicatrizes aparentes e a paciente ainda dá uma enxugada!

11. Quais os maiores riscos de uma cirurgia plástica?

Existem dois grandes riscos. 1 - Problemas provocados pela anestesia. A substância usada pode causar coágulos, inflamações nos pulmões e até ataque cardíaco. 2 - Problemas causados pelo próprio procedimento. Como por exemplo, pontos rompidos, infecções, hematomas. Hoje em dia os riscos são mais baixos (menos e 1%). E, para evitá-los, é fundamental seguir as instruções do médico no pré e pós-operatório. Afinal, as instruções não são somente sugestões!

12. O senhor faria uma cirurgia plástica mesmo sabendo que a pessoa não precisa ou que não atingirá o resultado esperado?

Fazer um procedimento sem indicação seria falta de ética médica. Minha clínica é uma das que mais rejeitam pacientes. A razão? Elas simplesmente não precisam!

Fonte: Site M de Mulher


1 comentários:

nossovicio disse...

É muito importante tomarmos todo o cuidado quando realizamos esses procedimentos cirúrgicos, não é mesmo? Às vezes o barato sai caro!
Adorei o post, super explicativo! :)

=***

Página Anterior Próxima Página Home
 

Copyright © 2011 Blue Jeans! Elaborado por Marta Allegretti
Usando Scripts de Mundo Blogger